Está piorando: Escritor evangélico processado por militantes gays terá que destruir todos os seus livros

30/08/2010 00:22

O pastor Náurio Martins França, autor do livro A Maldição de Deus sobre o Homossexual, é alvo de mais um atentado à liberdade de expressão cometido pela militância gay e a "justiça" brasileira. Desde 2007, Náurio enfrenta um processo que objetiva censurar o livro e punir o autor, o que foi conseguido. 

Abaixo, os links das matérias publicadas nos sites GospelMais e Consultor Jurídico sobre o caso. 

http://noticias.gospelmais.com.br/escritor-evangelico-e-processado-por-homossexuais-e-tera-que-destruir-todos-os-seus-livros.html 

http://www.conjur.com.br/2010-jul-20/autor-obra-maldicao-deus-homossexual-nao-indenizara-gays 

É interessante observar que o Consultor Jurídico dá a notícia enfatizando uma suposta manutenção do "direito à liberdade de expressão", e a "absolvição" de Náurio no que se refere ao pedido de indenização aos gayzistas. Mas o site faz vistas grossas e praticamente oculta o grande absurdo que é o fato de o autor ser obrigado a entregar todos os exemplares remanescentes do livro para que sejam destruídos (no melhor estilo nazista) e proibido de publicá-lo novamente, o que constitui uma verdadeira derrota da democracia e da liberdade de expressão.
E isto já acontece antes mesmo do controle censório gayzista proposto pelos PLC 122/06 (lei da mordaça gay) e PNDH-3 (Programa Nacional de "Direitos Humanos" do PT) estar em vigência. Imaginem daqui a pouco, caso tais medidas ditatoriais continuem avançando. 

 

Fonte: http://liberdadedeexpressao.multiply.com/reviews/item/351